Pesquisar neste blog

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

A importância de saber contar histórias

A arte de contar histórias, foi antes de tudo, uma das grandes molas propulsoras do desenvolvimento do conhecimento humano. Foi a forma utilizada para transmitir conhecimento de geração a geração, de grupo a grupo, nos idos tempos da pré-escrita.

Hoje a quantidade de conhecimento que se produz em um dia, sem entrar no mérito de qualidade e interesse desta produção, é maior do que um ser humano será capaz de analisar em uma vida. Mesmo assim eu trago o tema da velha arte de contar histórias aos dias de hoje, não mais como principal ferramenta de transmissão de conhecimento, mas como ajuda no desenvolvimento e avaliação de nossas vidas e carreiras. Pensem em como é simples descrever sua carreira, quando se é recém formado, ou se tem muito pouco tempo de mercado, e pense no outro oposto, como deve ser duro para um profissional com 30 ou 40 anos de experiência, contar a história de sua carreira.

A proposta é que revisitemos a nossa história de tempos em tempos, verificando quão fácil está contá-la, quais os novos capítulos adicionados desde a última vez que a contamos, e que beleza, que alegrias ela está nos trazendo cada vez que a contamos. Escrever uma história de sucesso, é ter uma história feliz, prazerosa, que tenha muitos personagens interessantes, mais amigos que inimigos, e não só vitórias. Pense, a cada decisão que tomar, que valor trará para sua história.

Se sua história for prazerosa de ser contada por você mesmo, ela será vencedora, pense nisto.

3 comentários:

Renata disse...

Dálbi!

Finalmente conheci seu blog.
To lendo tudo, adorando!

Abc,

Renata Spinelli

Renata disse...

Dálbi!

Finalmente conheci seu blog.
To lendo tudo, adorando!

Abc,

Renata Spinelli

Dalbi disse...

Valeu Rê... meu blog cresce com leitoras como você !!!
Abs.,
Dalbi