Pesquisar neste blog

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

O problema é seu e não dele

Lula deixou mais uma vez muito claro que o problema do mensalão e dos réus e não dele. Porém ao dizer isto, o fez de uma forma incomunmente populista, e mostrou para todos que o problema do mensalão é do povo, seu, não é dele e nem dos réus…

'Tenho mais coisas para fazer', diz Lula, sobre mensalão

DAIENE CARDOSO - Agência Estado

Após ser homenageado nesta quinta-feira por empresários do setor do biodiesel em São Paulo, horas antes do início do julgamento do maior escândalo de sua administração, o mensalão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva demonstrou não ter interesse em acompanhar o início deste julgamento. "Tenho mais coisas para fazer do que isso, quem tem de assistir são os advogados", disse, ao ser questionado se acompanharia o julgamento do processo 470 no Supremo Tribunal Federal (STF) e que será transmitido pela TV.

Lula foi homenageado na manhã de hoje pela União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio) e pela Associação dos Produtores de Biodiesel do Brasil (Aprobio). Além de Lula, algumas lideranças petistas acompanharam o evento, dentre elas, o presidente nacional do partido, Rui Falcão, o presidente estadual da sigla em São Paulo, Edinho Silva, e o governador de Sergipe, Marcelo Deda.

Um comentário:

MY disse...

Certa vez um ratinho saiu gritando pelo sítio: rápido, rápido fogo no paiól!!! Daí a galinha disse: ora ratinho, o fogo e lá no paiól, até chegar aqui já apagaram. Continou gritando: rápido, rápido fogo no paiól!!! Daí veio o porco e disse: ora ratinho, o fogo é no paiól, até chegar aqui tem o galinheiro, já apagaram o fogo. E o ratinho continou até o pasto gritando: rapido, rápido, fogo no paiól. A vaca disse: ora ratinho, até chegar aqui tem o galinheiro, o chiqueiro, já apagaram o fogo. E o ratinho voltou triste da vida, qdo a dano da propriedade apagara o incêndio. Passado alguns dias, caiu de cama, estava com leptospirose. Não comida nada, daí veio o marido e disse: mulher, vou fazer uma canja para ver se vc come algo. E vapt na galinha!!! Mas não comia nada. Disse: meu velho faça meu último desejo, adoro um porco à pururuca; daí vapt no porco. Comeu e morreu. O marido pensou: nossa, agora vem muita gente para o enterro é preciso preparar algo para esse povo comer. E vapt na vaca. Moral da história, nunca pense que o problema alheio não possa te atingir ou prejudicar!!! Não é mesmo Sr. ex-presidente???