Pesquisar neste blog

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Se é que você ainda não se convenceu sobre as Redes Sociais

Rede social não é uma questão de certo ou errado, de gostar ou não gostar. É um fato , real e presente. As redes sociais são sim a forma de comunicação da atualidade, e saber como usá-las é uma arte que enquanto os nascidos neste século, já nasceram sabendo, entre os demais tem os que jamais saberão. Trata-se de uma plataforma de comunicação que abre os canais do mundo para cada cidadão’, é mais ou menos como foi o telefone a décadas atrás, encurtava distâncias, ainda que apenas ponto a ponto, diferente das redes sociais que o fazem para muitos ao mesmo tempo, porém mesmo os telefones houve quem por muito tempo se divertiur apenas passando trotes, e assim foi.

A máquina Polaroid aí da foto já foi um fenômeno da tecnologia, as fotos eram ‘reveladas’ na hora, não era mais preciso esperar o filme acabar, depois levar ao laboratória e por fim após alguns dias ter as fotos. As máquinas digitais que se conectam automaticamente a internet e publicam para o mundo instanteneamente o que esteá sendo registrado, estão para a Polaroid assim como as Redes Socias e a internet, estão para o Telefone.

O caso da menina de SC que criou uma página no Facebook para narrar seu dia a dia na escola, registrando todas as dificuldades e precariendades lá existentes, causou (plaginado o ministro do STF) epécie em muita gente, tornando-se um sucesso da rede social. Por que ? Porque as redes sociais tem seus filtros próprios de relevância, e estes fazem a verdade das coisa serem da forma como são e não da forma como querem que sejam. Não há editorial, nem merchan que resista a verdade dos filtros das redes sociais.

Acredite se quiser, tentaram calar a menina, obrigando-a a tirar a página do ar, fizeram pressão psicológica, ameaçaram, e tudo mais, típica reação de quem ainda não entendeu como é o mundo hoje. Nunca mais será possível este tipo de repressão na base da “canetada”, terão que se adaptar também, pois para ser diretor de escola, professor e pai/mãe, também será preciso entender como a comunicação funciona e como funcionará.

Parabéns a Isadora Faber pela iniciativa. Veja aqui.

Um comentário:

MY. disse...

Lendo esse artigo, destaco 2 coisas que me chamaram a atenção:
Primeiro:
Quando chegou a internet no Brasil e com o seu avamço, diziam que superaria a Televisão. Não ocorreu! Tanto que hoje tentam aliar TV e Internet ao mesmo tempo. Daí o famoso COMBO das operadoras de Telefonia. Outro ponto:
A censura: definida como o uso pelo Estado ou grupo de poder no sentido de controlar ou impedir a liberdade de expressão. Na Roma Antiga, censura era o cargo ou função de um censor que tinha como objetivo obter o controle sobre a imprensa e "outros meios" informativos.
Como podem ver, o facebook instrumento de criação nascido da internet acho que se enquadra nos outros meios, como já previa a censura da Roma Antiga. Falem bem OU MAL (até que ponto vai falar mal?) mas, falem pelo FACEBOOK.